Metáfora do Amor

Achei essa metáfora linda e muito interessante, por isso compartilho com vocês!

❤️ Instalação do Amor

▪Um cliente liga para o suporte técnico pedindo orientação:

Suporte Técnico:

  • Pois não, como posso ajudá-lo?

Cliente:

  • Bem, depois de muita consideração, decidi instalar o Amor. Você pode me orientar durante o processo?

Suporte Técnico:

  • Sim. Posso te ajudar sim!
  • Você está pronto para prosseguir?

Cliente:

  • Bem, não sou muito técnico, mas acho que estou pronto.
  • O que eu faço primeiro?

Suporte Técnico:

  • O primeiro passo é abrir seu Coração.
  • Você localizou seu coração?

Cliente:

  • Sim, mas existem vários outros programas em execução agora.
  • Posso instalar o amor enquanto eles estão em execução?

Suporte Técnico:

  • Quais programas estão em execução?

Cliente:

  • Vamos ver, eu tenho um Passado Ferido, Baixa Autoestima, Rancor e Ressentimento tudo acontecendo agora.

Suporte Técnico:

  • Não há problema, o Amor apagará gradualmente o Passado Ferido do seu sistema operacional atual. Ele pode permanecer em sua memória permanente, mas não interromperá por muito tempo outros programas. O Amor acabará substituindo a Baixa Autoestima por um módulo próprio chamado Alta Autoestima. No entanto, você deve desligar completamente o Rancor e o Ressentimento. Esses programas impedem que o Amor seja instalado corretamente.
  • Você pode desligar isso?

Cliente:

  • Não sei como desligá-los.
  • Você pode me dizer como?

Suporte Técnico:

  • Com prazer.
  • Vá para o menu Iniciar e selecione Perdão.
  • Faça isso quantas vezes forem necessárias até que Rancor e Ressentimento, tenham sido completamente apagados.

Cliente:

  • Ok, pronto!
  • O amor começou a se instalar.
  • Ops! Há uma mensagem de erro. Diz: Erro – o programa não funciona em componentes externos.
  • O que devo fazer?

Suporte Técnico:

  • Não se preocupe. Em termos não técnicos, significa simplesmente que você precisa amar a si mesmo antes de amar os outros.
  • Baixe em seguida a Auto aceitação e clique nos seguintes arquivos: Perdoe a si mesmo, Perceba seu valor e Reconheça suas limitações.

Cliente:

  • Entendi.
  • Ei! Meu Coração está se enchendo de novos arquivos.
  • O Sorriso está tocando no meu monitor, a Paz e o Contentamento , estão se copiando por todo o meu Coração.
  • Isso é normal?

Suporte técnico:

  • Sim, isso significa que o Amor está instalado e funcionando.
  • Só mais uma coisa antes de desligarmos.
  • Este programa Amor é gratuito e você está convidado(a) a compartilhá-lo com outras pessoas, se quiser.

🥰 A medida do amor, é amar sem medida…

PALESTRA DIA 27/09/2021

Dia 27 de setembro de 2021, online, estarei transmitindo diretamente do CETEP – Centro de Estudos em Terapia e Psicanálise de Florianópolis com a palestra SEXUALIDADES E GÊNEROS. Trata-se de uma abordagem inicial sobre assuntos que dizem muito respeito a nós, quando pretendemos praticar a inclusividade.
Inscrição: https://forms.gle/MNuYGS9spMXvW3986

Pontualidade, o que é isso?

Por mais que possa parecer que pontualidade é só chegar na hora certa, é muito mais que isso. A pontualidade como falta de respeito ao outro é um fato e, em analise não é diferente das demais atividades que exigem o deslocamento, o investimento na preparação, no atendimento, em mudanças de compromisso para o profissional se adequar ao seu horário; se dedicar a você. E, o mesmo se aplica ao analista em relação ao seu analisando ou analisanda. É uma falta de respeito. Moral e ética é sempre nos dois sentidos. Então, lá vai:

  • a) Marque seu compromisso na agenda e, coloque o despertador para soar o alarme despertar pelo menos umas duas (2) horas antes, primeiro. Depois, faltando uma (1) e por aí vai.
  • b) Faça uma pequena refeição, se necessário e tome liquido.
  • c) Se você está ciente que o transito é problemático, faça um esforço para sair antes do horário. Isso independentemente se você vem a clínica a pé, de ônibus, carro próprio, moto etc.
  • Ahhh ! Você tem aquela pergunta importante para o seu analista? Esqueceu? Não anotou? Não sabe onde colocou a anotação? Utilize seu celular para fazer anotações para você mesmo. Mande um WhatsApp para você, um e-mail para você, ou um SMS.

Links importantes

O Psicanalista pode recusar um paciente?

O psicanalista pode recusar atender um paciente.

Sim!
Se o psicanalista perceber em algum momento que a transferencia está comprometida de alguma maneira.

Exemplos:

  • Um paciente ao procurar o psicanalista para tratar de alguma fobia mostrar-se altamente preconceituoso quanto a raça, por exemplo e, isso causa mal-estar ao analista que, pode se manifestar dizendo o que pensa a respeito. Neste caso o psicanalista pode escolher continuar ou indicar um outro profissional. Certos posicionamentos poder tem uma conotação violenta.

    Aproveito o momento para transcrever uma lista de Preconceitos e Discriminações, para reflexão!
  • Adultismo
  • Adultocentrismo
  • Afrocentrismo
  • Altismo
  • Apagamento queer

B

C

D

E

F

G

H

I

M

N

O

P

R

S

T

U

V

Escolhas sobre Sofrimento

“Existem coisas piores que estar sozinho mas geralmente leva décadas para entender isso e quase sempre quando você entende é tarde demais.
E não há nada pior que tarde demais”.


Charles Bukowski

Frases como essa acima de Bukowski, chamam a atenção de quem acha que tem condições de superar certas dificuldades e, não obtém sucesso depois de tantas tentativas frustradas.

A Psicanálise pode ajudar em vários processos de autoconhecimento. Isso não é uma promessa de milagre e, sim, uma possibilidade de que através desse instrumento de análise você possa encontrar sentido, nexo e algumas respostas ao que te faz sofrer.

Como disse Jean Paul Sartre: “Não importa o que fizeram com você. O que importa é o que você faz com aquilo que fizeram com você.”

Idioma Desconhecido

Idioma Desconhecido é uma investigação sobre o nosso inconsciente, e toda vulnerabilidade social que ele traz. O documentário conta com 15 entrevistados, entre eles os músicos Marcelo Yuka e Otto, o ator e humorista Gregório Duvivier, o artista plástico Eduardo Marinho, o escritor e quadrinista Lourenço Mutarelli, a psicóloga e hipnóloga Gilda Moura, e o psicanalista Pedro de Santi. Produzido por: Ninguém Filmes Direção:José Marques de Carvalho Jr Produtor: Irineu Lima Jr Roteiro: José Marques de Carvalho Jr Direção de Fotografia: José Marques de Carvalho Jr Montagem e Edição: José Marques de Carvalho Jr Trilha Original: João Viana, Leo Zapata e Marcelo Martins Mixagem e finalização de som: Brenno Rezende Imagens drone: Felipe Xavier Vinheta de abertura: Shin Shikuma e Júnior Imigrante Arte do Poster: Lazaro Júnior

O LOCKDOWN E O MEDO

Governadores alinhados com Bolsonaro repudiam fechar o país por quatorze dias para salvar milhares de uma contaminação generalizada por Coronavirus, ou Covid19!

Duas forças antagônicas dividem as atenções; cientistas e negacionistas ligados ao mercado de bens e serviços. Por um lado não tem como comprar e, por outro, não tem o que vender, como se a vida fosse simplesmente assim.

Esquecem que, tanto para comprar ou vender no mercado capitalista é preciso ter gente viva. A capacidade de multiplicação e de transmutação desse vírus ainda desconhecido é enorme e, a cada versão torna-se mais virulento contra a nossa capacidade de gerar uma vacina capaz de neutralizá-lo por um tempo.

Nós não temos condições nem de uma coisa ou de outra. Esbarramos na incapacidade de termos equipe médica suficiente para atender a demanda. Termos equipamentos clínicos (hospitais e toda a tecnologia para atender a demanda. Porque a velocidade de contágio não é a mesma da recuperação. Uma pessoa, digamos, é infectada por hora. Uma pessoa se recupera em média depois de 15 dias. É aqui que a conta não fecha e acabamos entrando em colapso.

SIM, JÁ VIVEMOS UM COLAPSO NO SISTEMA DE SAÚDE PORQUE TEMOS MAIS PESSOAS DOENTES QUE A CAPACIDADE DE TRATAMENTO. FALTAM LEITOS, EQUIPAMENTOS E PESSOAS.

Portanto SÓ TEM UM JEITO: impedir que as pessoas se contaminem umas as outras até que todas estejam vacinados e, aí sim, na rua. É preciso um LOCKDOWN sob penas de que não tenhamos mais como nos abastecermos. Sim, o COVID19 já chegou ao campo!

E o LOCKDOWN para nosso governo de SC, fechado politicamente com o Presidente e com parte dos negacionistas empresários, dá medo!
Ainda mais em dias que antecedem ao julgamento do impeachment sobre o sumiço de respiradores.

Lembrem-se disso tudo!